segunda-feira, 26 de outubro de 2015

Porque ninguém lê aquilo que escreve



Muitas vezes vejo empresas a gastar imenso dinheiro e recursos na estratégia de marketing de conteúdos. Depositam grandes esperanças em aumentar o tráfego do site e claro aumentar assim o reconhecimento da marca e vender mais.

Mas, na sua larga maioria as empresas dedicam-se a publicar conteúdo no blog, enviar uma newsletter semanal e “ir” atualizando as redes sociais, tudo isto sem uma estratégia clara e definida, vão fazendo o “que se lembram nessa semana”.

Mas isto, leva a uma dificuldade: Ninguém lê, aquilo que escrevem e quando se investe enormes quantidades de tempo e recursos em marketing de conteúdos, desta forma, não recebe aquilo que pensa merecer. Esta é uma das principais preocupações que partilham comigo e é transversal a muitas empresas.

Ok, mas até aqui nada de novo escrevi e em nada ajudei a melhorar. Então vamos colocar as mãos na massa e fazer pão, que todos queiram comprar.

O Seu Conteúdo tem uma única direção?
Veja este post que estou a escrever, publico neste blog desde 2008 e podia muito bem, ir buscar um artigo mais antigo, dar-lhe “uns pequenos toques” e assim publicava um artigo em 3 minutos, sem pensar no que estava a escrever e podia querer acreditar erradamente: Assim quem me visita pensa que tenho o blog atualizado constantemente.

Mas eu sei que ao estar a ler este post, quer saber coisas novas, está à procura de ideias que nunca as tenha lido. Os leitores deste blog, são pessoas experientes e ocupadas de mais, para estarem a ler “coisas” repetidas, sem sentido, sem acrescentar valor e que justifique os seus 3 a 4 minutos de leitura.

Então deve fazer na sua empresa o que eu penso antes de escrever
1 – O que posso dar de novo aos leitores?
2 – Que conhecimentos ou experiências posso aproveitar para escrever um artigo original?
3 – O que os meus leitores andam à procura?
4 – O que vou escrever é mesmo sobre o meu mercado, ou estou a fugir para outros assuntos?
5 – Pelo sim, pelo não, vou pesquisar sobre o que vou escrever para saber a oferta que existe sobre esse conteúdo.

O meu blog vs Os outros 
Existem blogs sobre tudo e é natural que tem de acompanhar o que de bem já se faz. Deve olhar para os seus concorrentes e analisar o que está acontecendo. Se o seu blog for por exemplo sobre comida ou moda, irá encontrar milhares de blogs, muitos deles já bem estabelecidos e com milhares de visitantes diários, e neste caso, o que faz?

Recomendo que antes de tudo, responda a si próprio
1 – Qual o caminho que pretendo.
2 – Será melhor, em vez de tentar competir, encontrar um sub-tema dentro do tema, me especializar e com isso me diferenciar dos demais?

Sim, irá ser sobre uma tema menor, mas irá oferecer diferenciação sobre esse tema e consequentemente, com o aumento de seguidores, pode ir introduzindo outros.

Resumindo: Marketing de conteúdos não se trata do que gosta, do que lhe vem à cabeça fazer...Originalidade diferenciada.

Boa semana e bons conteúdos...
Paulo Gomes

Também pode gostar
Quando a perda de um cliente se torna em lucro
Chefias de Vendas - Preocupe-se com os seus vendedores
Cliente não compra porque é caro?
Aprender a vender